Nossa Proposta

2015-05-27 14 redux

Buscamos o equilíbrio e o bem estar, tanto no nível físico, quanto psicológico e espiritual.

 

Utilizamos os conhecimentos da Psicologia e de  técnicas Psicoterapia Corporal, muitas vezes (e quando for o caso) associados ao trabalho de Meditação e Mindfulness, tanto nos atendimentos individuais quanto nos grupos e workshops de final de semana.
No âmbito espiritual nada podemos fazer, uma vez que consiste num estado de imanência, ou seja, aquilo que simplesmente é, a nossa mais profunda natureza, da qual apenas podemos nos conscientizar.

Desejamos paz, relaxamento, harmonia, amor, qualidades tão almejadas nas nossas vidas, mas que muitas vezes parecem tão distantes, irreais, praticamente impossíveis de serem alcançadas.

Estas qualidades talvez pareçam tão difíceis de serem alcançadas pela simples razão de já estarem aí. Não se pode alcançar algo que já existe! São, portanto, qualidades que emanam da nossa natureza mais íntima e do nosso centro mais profundo.

Mas se estas qualidades do nosso ser profundo já estão fluindo, então às vezes o que falta é uma consciência e uma percepção disso. Do contrário as coisas não estariam tão caóticas.

O que está nos impedindo de estar em paz profunda, relaxamento e contentamento? E o que nos impede de sermos essa paz, esse relaxamento, esse contentamento?

Como disse antes, nada podemos fazer com relação a nossa natureza mais íntima, porque ela está sempre antes de qualquer ação. E nenhuma ação pode deixar ali algum traço. Ela permeia tudo e não se deixa manchar por nada.

Mas, me parece relevante questionar a razão de não termos uma plena consciência dessa natureza mais profunda.

Existem muitas tensões nos nossos corpos físicos, muitas delas oriundas de traumas psicológicos e bloqueios. E, talvez esses bloqueios nos roube tanta energia que não conseguimos perceber o ser que já somos. Mas é aí, justamente nesses bloqueios, que podemos intervenir de alguma maneira!

O ESPAÇO DE PSICOLOGIA CORPORAL é um espaço terapêutico cuja proposta fundamental e atuar nesses bloqueios e ajudar as pessoas a se reconectarem às suas essências, readquirindo assim o seu bem-estar.

Utilizamos processos dialéticos no nosso trabalho, porque acreditamos que a vida se desenvolve e evolui através de: Imobilidade e ação, consciência e inconsciência, tensão e relaxamento, som e silêncio, positivo e negativo, e assim por diante.

Procuramos Agir através do Espaço que alimenta uma Ação correta, porque vem do nosso centro mais íntimo.

Assim crescemos. E assim evoluímos.

Se estamos num momento de tristeza, isso não quer dizer que vamos ficar tristes o resto da vida e que vamos morrer assim, embora muitas vezes acreditemos nisso. Essa tristeza tem o seu momento e tem sua função e quando menos esperamos, estamos alegres e contentes. Este momento também não perdurará por muito tempo, senão o movimento cessaria. De repente nos vemos tristes de novo. Nada de errado nisso. A meu ver, apenas temos que aprender a lidar e a aceitar esse processo, em vez de nos apegarmos aos estados, tentando uma tarefa impossível de estancar o movimento da vida, e sempre entrando em conflitos.

Usei o exemplo da tristeza, mas isso poderia se estender a todos os outros estados de ânimo, humores, sensações e sentimentos.
Falando deste modo, pode parecer simples, mas na prática esta aceitação pode se tornar muito complexa. Estamos apegados a muitas coisas e muitas vezes através de mecanismos inconscientes.
Na maior parte dos casos estamos paralisados e estancados em algum ponto do crescimento na nossa infância , fazendo com que as nossas vidas não sejam mais que uma mera repetição de algum drama ainda não resolvido anteriormente.

Precisamos retomar o crescimento, senão, qual será o sentido de tudo isso?

Não podemos ficar matando o nosso tempo com frivolidades, enquanto esperamos por Godot, como escreveu o dramaturgo Samuel Beckett, pois sabemos que Godot não virá.
E não virá pela simples razão que Godot já está aqui. Aquele que já está, não pode jamais chegar. Ele já está!
Estamos esperando aquele que já chegou. Estamos buscando aquilo que já temos.

No entanto, mais do que nunca, necessitamos buscar, investigar.

O ESPAÇO DE PSICOLOGIA CORPORAL está aqui para instigar, dar ferramentas e apoiar essa investigação, tentando criar um Espaço para que a nossa natureza íntima seja reconhecida, e assim possa Agir através de nós, e contribuir de alguma maneira para a beleza deste planeta.

ESTADO BÚDICO

"Nada está faltando, tudo é como deveria. Cada um já é perfeito. A perfeição não é para ser alcançada, ela já está presente. No momento em que você aceita a si mesmo, ela é revelada.

Se você não aceita a si mesmo, ficará perseguindo sombras, miragens distantes. E elas parecem belas somente quando você está muito distantes delas. Quanto mais próximo você chegar, mais descobrirá que nada existe, somente areia, era uma miragem. Então você cria uma outra miragem, e é assim que as pessoas desperdiçam sua vida inteira.

Simplesmente aceite a si mesmo como você é, nada deve ser condenado, nada deve ser julgado. Não há como julgar, como comparar, porque cada pessoa é única. Nunca existiu uma pessoa como você e nunca existirá novamente, assim, você está sozinho e a comparação não é possível. E essa é a maneira que a existência deseja que você seja, e esse é o motivo de você ser dessa maneira. Não brigue com a existência e não tente se aperfeiçoar, ou criara uma confusão. É assim que as pessoas criaram uma confusão a partir de suas vidas.

Portanto, esta é minha mensagem a você: aceite a si mesmo. Será difícil, muito difícil, porque a mente idealista está sempre observando e dizendo: "O que você está fazendo? Isso não é o correto a ser feito! Você precisa se tornar notável, precisa se tornar um Buda ou um Cristo ou seja lá quem for - o que você está fazendo? Isso não se parece com um Buda, você está se comportando como um tolo. Você ficou maluco? "

Aceite a si mesmo. Nessa aceitação está o estado Búdico."

Osho

 

Alexandre J.Paiva 

Psicólogo - CRP 5/49933

logo008

 Rua Visc.Pirajá, 142 sala 806 Ipanema - Rio - RJ

Marque a sua entrevista

Ligue para

99913-6097

ou envie um email para

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Acesse o nosso BLOG:  www.psicologiacorporal.com.br

 

Espaço de Psicologia Corporal - Rua Visconde de Pirajá, 142 sala 806 - Ipanema - Rio de Janeiro - RJ - CEP 22410-000
Telefone (21) 99913.6097 - Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Acesse o nosso Blog: www.psicologiacorporal.com.br